CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS ATACADO E VAREJO DO BRASIL

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Onze pecados mortais das mídias sociais


A maioria das marcas está tentando fortemente obter sucesso com as iniciativas demídias sociais. Elas estão testando novas formas de engajamento – das receitas de checkout até os anúncios nos jornais; e tentando ao máximo se conectar com seus consumidores nas redes sociais.
Na busca de tentar fazer as coisas, algumas “top” marcas cometeram erros. Aqui estão algumas coisas a serem evitadas, sem exceções:
1. Fazer promoções o tempo todo. Na luta de manter o consumidor engajado, as marcas tendem a continuar oferecendo promoções especiais. Esse esforço total de desconto e atração tende a ter um impacto negativo por desvalorizar a marca e o relacionamento.
2. Esperar que as pessoas venham. As marcas se estabelecem em sites de mídias sociais e simplesmente esperam que o consumidor venha e as encontre. Fazem pouco pelo engajamento através do diálogo ou pelas estratégias de marketing junto aos outros canais. Elas simplesmente se estabelecem e esperam que isso seja suficiente para atrair os consumidores.
3. Realizar concursos e jogos o tempo todo. Fazer jogos é a nova moda para o engajamento e muitas marcas investem nisso de forma significativa. Além disso, as marcas tendem a executar múltiplos concursos, cujo resultado dilui severamente o seu compromisso com as métricas de conversão.
4. Bloquear feedback negativo. Muitas marcas boas tendem a bloquear ou ignorar o feedback negativo. Se você comenta no site, eles tiram o comentário ou têm uma estratégia definida para levar os comentários ruins para o mais longe possível. Essa estratégia diminui o valor dos comentários positivos.
5. Lançar press releases nas mídias sociais. Você presta atenção em mais de 300 caracteres e assiste vídeos longos? As marcas tendem a esquecer a natureza conversacional do engajamento nos sites de mídias sociais – mensagens curtas e interessantes são uma forma muito melhor de engajar.
6. Esperar 24 horas para responder. Algumas marcas demoram um longo tempo para responder porque checam o feedback social apenas duas vezes por semana. Outras marcas demoram porque precisam de uma aprovação antes de responder. O problema é que se você demorar muito o consumidor provavelmente vai pedir uma resposta ou passar para outra pessoa.
7. Não ligar os seus canais. Sempre um clássico com a mão esquerda não sabendo o que a direita faz. Há algumas semanas, uma grande empresa de viagens teve dois tipos de iniciativa – um cartão de desconto de gás por e-mail que diminuía 10 centavos por galão e um desconto de 5 centavos oferecido nas mídias sociais. Levou uma mala direta para corrigir o problema.
8. Espionar e chocar seus clientes. Embora seja ok para uma marca aproveitar os “widgets” para rastrear o comportamento do consumidor em sites de mídias sociais, é assustador quando a marca surpreende esse consumidor com ofertas. Um clique em um link social leva a uma chamada telefônica de um representante de cruzeiros que descaradamente diz ter observado seu comportamento online, por exemplo.
9. Apenas deixar rolar. Algumas marcas acham que tudo bem alcançar uma certa massa crítica nas mídias sociais e depois disso podem simplesmente “deixar rolar”. A bola de neve pode rolar para o lado errado e prejudicar a marca.
10. Focar nos “likes”. Um foco cego em dirigir os “likes” levou a uma desvalorização do botão “curtir” e resultou em um ROI significativamente menor.
11. “Esperar” para começar. Acredite ou não, ainda há marcas, especialmente na área de serviços financeiros, que estão esperando a mídia social da moda terminar.

Mídias sociais podem ter um impacto positivo. Não espere, não foque em “likes” e, por favor, não conte aos seus fãs que sabe em qual link eles clicaram às 11h33. Boa sorte com seus empreendimentos sociais!




http://onperformance.com.br/blog/onze-pecados-mortais-das-midias-sociais?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=onze-pecados-mortais-das-midias-sociais

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.