CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS ATACADO E VAREJO DO BRASIL

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Saiba por que o Facebook não emplaca no Brasil- Errou feio!

26/04/2008 | 05h10


Nos EUA, a rede foi o grande destaque da internet em 2007


Saiba por que o Facebook não emplaca no Brasil   Paul Sakuma, AP /
Fundador da Facebook, Mark ZuckerbergFoto: Paul Sakuma, AP
Não é tarefa simples fazer uma rede social deslanchar no "país do Orkut". Criado em 2004, o site de relacionamento do Google virou preferência nacional, a ponto de ser usado por sete em cada 10 internautas residenciais. E mais: o Brasil responde por 54% dos cadastrados no serviço. Foi esse cenário encontrado pelas duas maiores redes sociais do mundo — MySpace e Facebook, respectivamente — ao tentar atrair usuários brasileiros. 

O MySpace fez uma investida mais forte, lançando versão em português no ano passado. O Facebook já prometeu essa tradução, mas ainda não veio. De qualquer forma, ambos parecem longe de assustar a hegemonia do Orkut. 

Apesar de ser acessado no Brasil em março, segundo dados do Ibope/NetRatings, por apenas 1% dos internautas residenciais, o Facebook foi celebrado nos Estados Unidos, principalmente, como grande destaque da internet em 2007. 

O grande atrativo da plataforma foi permitir a criação de miniaplicativos, que podem ser compartilhados entre os usuários. Chegou a crescer 276% em um ano, ante 72% do MySpace e 78% do Orkut, segundo relatório da consultoria comScore. O fundador da rede, Mark Zuckerberg, se tornou o mais jovem a figurar na lista dos homens ricos do mundo da Forbes. 

Foi tanto o frisson que deu origem a um movimento dos que estavam cansados de ouvir falar do Facebook, com direito a um divertido vídeo circulando no YouTube com menções a termos que são bem conhecidos dos usuários do serviço: clique aqui e assista ao vídeo, em inglês ou no Blog da Vanessa.

 Assustados com o avanço do site, concorrentes chegaram a unir forças com o lançamento do projeto OpenSocial, capitaneado pelo Google, mas contando com a presença do MySpace e mais recentemente do Yahoo!, entre outros. A idéia é permitir a integração das plataformas a partir de miniaplicativos que possam ser usados em todas as integrantes do projeto. 

No Brasil, porém, a tendência — chancelada pelo analista de internet do Ibope/NetRatings José Calazans — é mesmo de que Facebook não decole. Uma das razões é o fato de concorrer diretamente com o Orkut, serviço já consolidado no país. Dificilmente o brasileiro substituiria a rede Google, onde já está todo mundo, e o usuário médio não vê necessidade de uma segunda rede para gerenciar os amigos. Mais chance de deslanchar tem o MySpace, por ter um foco em música. 

Muitos artistas usam o serviço para disponibilizar suas canções. Há casos de bandas independentes que ganham notoriedade por despontar exatamente no MySpace. Em março, chegou a 1,1 milhão de usuários residenciais no Brasil, mas essa marca deverá aumentar ainda mais, se posicionando como um site de relacionamento mais de nicho. 

Como acessar as três redes mais populares no Brasil: 


* Foi acessado em março por 15,96 milhões de internautas brasileiros a partir de suas casas 
* A ferramenta foi criada em 2004 por Orkut Buyukkokten, um funcionário do Google 
* Pode ser acessado em www.orkut.com 


* Chegou a 1,09 milhão de internautas residenciais brasileiros no último mês 
* Criado em 2003, o serviço pertence hoje ao conglomerado de mídia News Corporation e tem foco em música 
* O cadastro pode ser feito em http://br.myspace.com 


* Apresentou em março 240 mil usuários residenciais no Brasil 
* Foi criado em 2004, por Mark Zuckerberg, 23 anos, então estudante de graduação em Harvard. Até 2006, a rede era restrita a estudantes norte-americanos 
* O endereço do serviço é www.facebook.com 

Leia mais sobre assuntos de destaque na internet no Blog da Vanessa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.